Project Management Knowledge Base – Conhecimento e Experiência em Gerenciamento de Projetos

Clique Aqui para uma busca avançada.

ENTREVISTA: Gestão e Integração da Engenharia – STOR – Augusto Brighenti

“A importância de uma ferramenta integrada se dá ao fato das interdependências entre atividades executadas no início do processo de engenharia que tem ligação com diversas outras em todos os processo subsequentes”. A entrevista desta semana do PMKB é com o Augusto Brighenti que explica sobre o tema Gestão e Integração da Engenharia – STOR.

Integração da Engenharia

1)     Por que é importante um software para fazer gestão de documentos em um projeto industrial?

Um software de gestão de documentos em um projeto industrial garante uma fonte única de busca de informações técnicas, evitando a execução de projetos desatualizados ou que contenha algum erro.

Este tipo de software também garante a rastreabilidade das informações, ou seja, quem produziu a informação, quem, verificou, quem aprovou e quem utilizou cada documento.

2)     Qual a contribuição da EAP em todo o processo de Gestão da Engenharia, Suprimentos e Construção?

A EAP é a espinha dorsal dos projetos e guia os demais processos durante toda a execução do projeto. A EAP é a base para o controle do escopo e dela parte a base para o cronograma, o controle de documentos, suprimentos, montagem, comissionamento e etc…

Na engenharia, a EAP determina qual o escopo a ser projetado e detalhado, certificando-se que nada foi esquecido e/ou desenvolvido a mais que o  planejado. A EAP também é usada para medir o avanço da engenharia, já que os documentos são anexados a cada nó e cada nó é aprovado via fluxo de trabalho (workflow) até fechar todo o escopo.

No suprimentos a EAP determina tudo que precisa ser adquirido pelo projeto (materiais, equipamentos e serviços) e é usada para recalcular diariamente se o que está sendo ou foi comprado ainda é necessário, administrando o processo de realocação de  materiais ou equipamentos de forma a reduzir sobras e desperdícios comuns em projetos “Fast Track”

Na construção, a EAP também guia o escopo de execução das obras e montagem de sistemas e equipamentos. Controla a entrega dos materiais e partes dos equipamentos a serem montados, evitando a aplicação inadequada dos matérias e também as perdas e extravios comuns em obras sem gestão.

3)     Tecnologia da Informação em obras é fundamental? Qual o motivo?

A Tecnologia da Informação é fundamental na execução e gerenciamento das obras, pois com períodos de desenvolvimento e construção cada vez menores, o paralelismo nas atividades de engenharia (projeto), suprimentos e construção gera um volume enorme de inconsistências que precisam ser tratadas de forma rápida e organizada, já que o processo é integrado e atividades no final da cadeia são impactados por mudanças no início do processo. Um exemplo são os diversos “take offs’” de matérias que são extraídos para aquisição de forma avançada durante o processo de engenharia, que não está finalizado, e que precisam ser alocados a determinado projeto assim que o mesmo estiver finalizado. Esta tarefa é quase impossível de se realizar sem a ajuda de ferramentas específicas e integradas.

4)     Por que é importante utilizar um sistema completo e integrado na gestão e execução de projetos de engenharia?

A importância de uma ferramenta integrada se dá ao fato das interdependências entre atividades executadas no início do processo de engenharia que tem ligação com diversas outras em todos os processo subsequentes. Como explicado anteriormente, o nível de paralelismo aplicado nas atividades dos projetos gera, por natureza, um nível baixo de assertividade nas atividades futuras que são trazidas para o presente (paralelismo). Se uma ferramenta que consegue integrar todas estas atividades é utilizada de forma correta, o nível baixo de assertividade é compensado por algoritmos poderosos  de calculo avançado que consegue reorientar os desvios de planejamento, alocação de materiais e demais atividades fins. Um exemplo simples que ajuda a compreender a importância da integração é o processo de revisão de um desenho  pela área de projetos que já tenha sido realizado o processo de aquisição dos matérias para executa-lo. Como calcular a sobra, falta e possibilidade de reuso dos materiais se o processo de gestão de materiais no canteiro de obras não está integrado ao processo de engenharia?  

Clique aqui, para apresentação da palestra do Augusto Brighenti com o tema Gestão e Integração da Engenharia – STOR, realizada no dia 13/05/16, no curso de Pós-Graduação em Engenharia de Planejamento, no Ietec.

Integração da Engenharia

Ítalo Coutinho (coordenador do curso de pós-graduação), Flávia Russo (STOR), Palestrante Augusto Brighenti (STOR) e Lupércio de Sousa de Paula Júnior (Coordenador de Engenharia na Anglo American)

Assiste a palestra – Gestão e Integração da Engenharia – STOR:

Sobre o entrevistado: Augusto Brighenti, Formado em Engenharia de Controle e Automação pela UFMG, certificado em gerenciamento de projetos pelo PMI e cursando MBA em Engenharia e Inovação. E-mail de contato: augusto@alamoti.com.br

Para ver Outras Entrevistas PMKB, clique aqui.

Se você tem comentários, sugestões ou alguma dúvida que gostaria de esclarecer, aproveite o espaço a seguir.

Imprimir

Editor

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

Li e concordo com a Política de Privacidade

Compartilhe:

Av. Prudente de Morais, 840 Conjunto 404

++55(31) 3267-0949

contato@pmkb.com.br

Seg á Sex de 09hrs á 18hrs