Paraíba tem maior alta de custos da construção civil no Nordeste

Em todo o Nordeste, os custos mais elevados da construção civil foram encontrados na Paraíba no último mês de julho. É o que revela o Boletim nº 15 do Diário Econômico do Banco do Nordeste, publicado no dia 22 deste mês pelo Etene (Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste).

Segundo o Etene, o custo médio da construção civil por metro quadrado na Paraíba atingiu no mês passado o valor de R$ 972,82. Em segundo lugar no ranking ficou o Maranhão (R$ 966,74) e em terceiro, o Piauí (R$ 957,90). No mesmo período, o Rio Grande do Norte registrou o metro quadrado mais barato de todo o país: R$ 875,02.

O mesmo boletim informa que “o custo nacional da construção por metro quadrado subiu para R$ 1.009,76 em julho, sendo R$ 527,97 relativos aos materiais e R$ 481,79 à mão de obra”. Já os custos regionais por metro quadrado alcançaram R$ 1.017,74 (Norte); R$ 938,97 (Nordeste); R$ 1.060,85 (Sudeste); R$ 1.034,04 (Sul); e R$ 1.000,06 (Centro-Oeste)”.

Nordeste bate o Brasil no Sinapi

O Diário Econômico destaca ainda que o Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo IBGE, apresentou variação acumulado nos últimos doze meses de 6,47%, com 3,56% (materiais) e 9,83% (mão de obra). De janeiro a julho deste ano, o índice nacional acumulou crescimento de 4,81%, composto por 2,30% nos materiais e 7,68% na mão de obra.

Em julho, o Nordeste foi a região onde ocorreu a maior elevação (0,48%) do Sinapi, superando em mais que o dobro a variação nacional (0,20%). O resultado vem do comportamento dos dois principais componentes do índice: o valor médio dos materiais caiu 0,40%, mas a mão de obra teve alta de 1,57%, a maior do Brasil para o mês passado.

construção-civil

Fonte: http://blogs.jornaldaparaiba.com.br

Deixe uma resposta