Project Management Knowledge Base – Conhecimento e Experiência em Gerenciamento de Projetos

Clique Aqui para uma busca avançada.

12 maneiras de reduzir custos no gerenciamento das obras

Publicado em 26/11/2018

Mas é possível alcançar os resultados desejados sem planos mirabolantes, basta uma boa dose de planejamento e cuidado nas tomadas de decisão.

Está em busca de soluções práticas para reduzir custos e melhorar a qualidade no seu canteiro de obras e na sua gestão? Confira algumas dicas que apresentaremos ao longo deste artigo e alcance os seus objetivos!

1. Identifique o que encarece o valor do seu produto

Muitos elementos podem contribuir — direta ou indiretamente — para o encarecimento do seu produto. Entre as situações mais associadas à perda do controle de custos, podemos destacar:

  • Riscos inerentes à contratação de subempreiteiros;
  • Atraso na obra (por diversas razões);
  • Impostos excedentes que incidem sobre a construtora.

Uma boa maneira de controlar os seus custos é contratando serviços que podem reduzir o peso e a responsabilidade de sua empresa, como logística, cumprimento de prazos e até um controle eficiente de compras. Dessa maneira, você pode focar em trazer mais qualidade aos processos que demandam a sua atenção diariamente, enquanto outra empresa se ocupa em traduzir as suas exigências e objetivos no dia a dia da obra.

2. Use o planejamento para reduzir custos

Uma boa maneira de reduzir custos é entendendo todos os detalhes que compõem cada etapa dos projetos, do contrário o valor final da obra pode sair muito além do previsto no orçamento. Para isso, um planejamento pode deixar a sua empresa mais resistente a imprevistos que podem surgir.

Além disso, é sempre bom conhecer os melhores materiais para a sua obra. Integre as etapas e conheça os desafios e possibilidades de cada uma delas.

Defina um padrão de qualidade que pode ser aproveitado e adaptado diante das necessidades que cada construção exige para ser desenvolvida. Como exemplo, podemos pensar em um tipo de piso que não difere em qualidade a outros modelos, mas que exija uma quantidade menor de cimento.

3. Faça com que a execução se alinhe com o previsto

Muitos dos atrasos que mencionamos anteriormente podem ser provocados por:

  • Atraso na entrega de materiais;
  • Desperdício pela perda de materiais estocados;
  • Danos causados aos materiais durante o transporte;
  • Erro humano (como o uso equivocado na quantidade de argamassa para concreto).

Como já dissemos: um planejamento blinda os seus projetos de problemas comuns, como o desperdício de materiais (por terem sido estocados incorretamente). Um bom gerente de obras está sempre em cima dos projetos para que a orientação e o controle das etapas produtivas sejam realizadas da melhor maneira possível.

4. Calcule a quantidade de material

Embora toda obra trabalhe com o mínimo de desperdício dos materiais utilizados, o problema aumenta com relação ao excedente, que encarece o projeto sem trazer benefícios ao resultado final. Para trabalhar essa etapa com qualidade, convém apostar na integração entre a gestão e as etapas técnicas da obra. Assim, é possível calcular uma média aceitável para reduzir custos, garantir uma construção harmônica e livre de gargalos produtivos.

5. Garanta o melhor custo-benefício dos equipamentos

Investir em maquinário ou delegar essa questão a uma empresa especializada são alternativas, mas não devem ser as únicas soluções para reduzir custos na obra. No primeiro caso, por exemplo, você pode lidar com imprevistos diversos, como a falta de manutenção adequada.

A terceirização também pode acarretar em problemas para o desenrolar qualitativo da obra. Para tanto, é importante observar qual alternativa é a melhor para a condução de suas obras.

Caso seja o investimento em um equipamento próprio, convém apostar em uma gestão de manutenção eficiente. No caso do aluguel, vale a pena buscar o parceiro mais confiável para traduzir as suas necessidades em resultados positivos.

6. Conheça novos modelos de edificação

Por meio de soluções tecnológicas é possível realizar uma versão virtual do seu projeto de edificação. E sabe quais são os benefícios disso?

A sua equipe avalia melhor eventuais imprevistos, conseguem prever facilidades para a construção e, ainda, planejam estrategicamente novas possibilidades de logística ou na execução da obra que vão contribuir com a redução de custos no gerenciamento de obras.

7. Faça uma gestão de resíduos e entulhos

Além de ser uma medida sustentável, a gestão de entulhos e resíduos contribui para uma redução de custos significativa no gerenciamento de obras.

Afinal de contas, o planejamento prévio permite que menos desperdício ocorra, durante a condução do projeto, e facilita a alocação desse material descartado de maneira mais adequada.

8. Invista em tecnologia verde

Inovações sustentáveis no gerenciamento de projetos ainda podem ser mais dispendiosas. Só que pequenas atitudes podem oferecer grandes mudanças benéficas para a sua empresa.

Uma delas é a alternativa de usar tecnologias para reduzir o consumo de água e de energia elétrica. Sendo ambos muito responsáveis pelo orçamento final de uma obra, essa medida simples e prática de implementar reduz significativamente os gastos.

9. Crie metas por etapas

Boa dica para um gerenciamento de obras mais eficiente: estabeleça pequenas metas dentro de cada etapa da execução do projeto.

Dessa maneira, imprevistos ocorrem com menos frequência — e gravidade. Isso porque as metas são planejadas e, ao longo da execução de cada uma delas, há um acompanhamento próximo para garantir que o objetivo seja cumprido sem atrasos ou desperdícios.

10. Avalie e reavalie os seus fornecedores

Se você está em busca da redução de custos no gerenciamento de obras, experimente reavaliar as condições propostas com os seus atuais fornecedores.

Por meio de uma negociação nova, é possível que você consiga um prazo melhor de pagamento, uma condição de entrega melhor — agilizando o cronograma produtivo — ou mesmo um abatimento nos atuais valores.

Evite, apenas, a pesquisa por fornecedores que se destacam somente pelo preço. Esse tipo de prática já se mostrou, incontáveis vezes, como um mau negócio em curto, médio ou longo prazo.

11. Faça uso da regra 80/20

A regra também é conhecida como o Princípio de Pareto, e pode agregar muito valor não apenas no gerenciamento de obras, mas como um método a ser seguido na vida.

Como funciona: vamos imaginar que, no planejamento e na execução de um projeto arquitetônico você invista 80% dos resultados nos insumos utilizados.

Portanto, é hora de prestar atenção a esses 20% de materiais utilizados. Pensar fora da caixa, por exemplo, e usar a criatividade para usar elementos em vidro para valorizar a luz natural de uma construção ou, ainda, em outros tipos de estruturas que sejam acessíveis e duráveis.

Isso destaca um ar importante de renovação, para a sua empresa, que emprega novidades continuamente e não se contenta sempre com os mesmos resultados. Algo que pode explorar valiosamente uma percepção de marca mais positiva para o seu negócio.

12. Utilize a tecnologia a seu favor

Anteriormente, falamos a respeito da necessidade de calcular adequadamente os melhores índices para reduzir custos e conquistar o mesmo resultado final em uma obra. Hoje em dia, isso pode ser feito por meio do uso de ferramentas tecnológicas de gestão que contribuem com uma excelente capacidade de registrar, compilar e analisar informações. Tudo de maneira integrada para que a comunicação entre os setores seja mais fluída.

Assim, é possível destacar o material em estoque, o quanto foi utilizado em cada etapa da obra, o tempo investido ao longo das construções, todo tipo de monitoramento e gerenciamento necessários para reduzir custos e ter a sua produção sob controle. Entre os principais benefícios de contar com um software de gestão, podemos destacar os seguintes:

Redução nos custos e perdas

Ao ter todos os dados de suas obras anteriores, é possível criar uma média a respeito de tudo o que ocorreu durante a construção. Assim, o projeto seguinte virá embasado por dados e informações precisos, capazes de nortear os profissionais e também a sua tomada de decisão.

Mais produtividade

Utilizando os dados de maneira estratégica, é possível transformar números em oportunidades para aumentar a produtividade de sua equipe, como o tempo levado para concluir alguma etapa da obra, por exemplo.

Qualidade na gestão

Além de dados referentes à obra, um sistema tecnológico também proporciona integração com outros setores, como o financeiro e o estoque. Essa união de setores é determinante para minimizar ou erradicar os gargalos produtivos e tornar a produção mais consistente.

Mais segurança nas suas informações

A cada dia, a tecnologia se solidifica mais para garantir segurança à sua propriedade intelectual. Um bom software de gestão confere mais proteção aos dados registrados e compartilhados entre os profissionais de sua equipe com acesso a eles.

 

Sobre o autor:

Blog Noventa, Com 30 anos de experiência no mercado, a 90t.i é uma empresa especializada no desenvolvimento de softwares para o setor de engenharia com reconhecimento nacional, atuando nos segmentos de construção, consultoria, fiscalização, gerenciamento, projetos e orçamento. Fundada em Belo Horizonte, Minas Gerais, a 90t.i prima pela inovação e pela qualidade dos produtos, oferecendo aos seus clientes sistemas completos, de fácil utilização e que trazem resultados satisfatórios. Por serem voltados exclusivamente para a engenharia, nossos softwares possuem características específicas que tornam mais simples, práticas e eficientes as atividades ligadas à execução de uma obra. Desde a fase de orçamentação e planejamento, passando por todo o gerenciamento das obras até a sua conclusão, os sistemas da 90t.i reduzem a necessidade do retrabalho e os custos envolvidos no processo. E-mail de contato: noventa@noventa.com.br.

Imprimir

Editor

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

Li e concordo com a Política de Privacidade

Compartilhe:

Av. Prudente de Morais, 840 Conjunto 404

++55(31) 3267-0949

contato@pmkb.com.br

Seg á Sex de 09hrs á 18hrs