Project Management Knowledge Base – Conhecimento e Experiência em Gerenciamento de Projetos

Clique Aqui para uma busca avançada.

A Padronização e a Melhoria na Gestão da Qualidade

Publicado em 14/08/2019

Não foi fornecido texto alternativo para esta imagem

Como Ocorreu a Passagem da Produção Artesanal Para a Produção em Série? Por Que se Fez Necessário a Filosofia de Melhoramento Contínuo? Quais os primeiros Caminhos Para a Padronização de Peças e Componentes? Quais São os Três Processos Gerenciais Conhecidos Como a Trilogia Juran?

Um dos maiores sucessos da produção em série – caracterizada pelo desenvolvimento da linha de montagem da Ford e pela Administração Científica da produção – foi a padronização de peças e componentes. A passagem da produção artesanal para a produção em série somente foi possível devido ao desenvolvimento de sistemas e padrões que tornaram as peças e componentes intercambiáveis, podendo ser utilizadas em processos seriados. Mas não basta padronizar processos, métodos e componentes, pois é preciso melhorá-los continuamente. A gestão da qualidade inclui sistema de gestão composto por princípios, técnicas, métodos e ferramentas.

A promoção da padronização e da melhoria de processos de bens e serviços se dá através da participação de todos os colaboradores, os quais devem estar imbuídos de uma filosofia de melhoramento contínuo. Este é representado pelo ciclo PDCA e seus desdobramentos, a fim de se alcançar a satisfação das expectativas de todas as partes como clientes, acionistas, fornecedores, sociedade e colaboradores. Dessa forma, a adoção de um sistema de gestão implica a padronização dos métodos e das práticas de uma organização.

Um bom caminho para o início da padronização de uma empresa pode ser a implementação das normas ISO 9000 ou das diretrizes da ISO 9004, os quais contém uma série de tópicos que exigem a padronização das operações críticas da empresa. A ISO 9000 não é a única forma de se buscar a padronização, pois existem outros caminhos como normas para as áreas de telecomunicações e automobilísticas entre outras.

Seja qual for o caminho adotado, a padronização é importante para a organização porque permite, entre outros objetivos, demonstrar para os clientes – através de evidências objetivas como documentos e registros – que os requisitos contratuais especificados entre ambos podem ser plenamente alcançados. A padronização também permite a análise crítica e a consequente melhoria dos procedimentos e métodos da organização, pois propicia uma perspectiva concreta do que analisar melhor.

 

Sobre o Autor:

Julio Cesar S. Santos Professor, Consultor e Palestrante. Articulista de Vários Jornais no RJ, autor dos seguintes livros: “Promoção e Merchandising Eficientes Para Pequenas Empresas” e “Vendedor Profissional” (Ed. Aprenda Fácil); “Qualidade no Atendimento ao Cliente” e “Liderança, Atitude e Comportamento Gerencial (Ed. Clube de Autores); “Estratégia: o Jogo Nas Empresas” e “Planejamento de Vendas” (AGBook Editora) e Co-Autor de “Trabalho e Vida Pessoal – 50 Contos Selecionados” (Ed. Qualytimark, Rio de Janeiro, 2001).Por mais de 25 anos treinou equipes de Atendentes, Supervisores e Gerentes de Vendas, Marketing e Administração em empresas multinacionais de bens de consumo e de serviços.Elaborou o curso de “Gestão Empresarial” e atualmente ministra palestras e treinamentos presenciais e à distância nas áreas de Marketing, Administração, Técnicas de Atendimento ao Cliente, Secretariado e Recursos Humanos.Graduado em Administração de Empresas, Especialista (MBA) em Marketing e Mestre em Gestão Empresarial. E-mail de contato: jcss_sc@yahoo.com.br .

Imprimir

Editor

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

Li e concordo com a Política de Privacidade

Compartilhe:

Av. Prudente de Morais, 840 Conjunto 404

++55(31) 3267-0949

contato@pmkb.com.br

Seg á Sex de 09hrs á 18hrs