Em leve reação, indústria vai ganhar incentivos

A diretora de Indústria e Insumos Básicos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Cláudia Prates, afirmou que em três a quatro meses devem ser anunciadas mudanças na política operacional para o setor industrial. Segundo Cláudia, as prioridades continuarão a ser inovação e pequenas e médias empresas. Além disso, o BNDES buscará parceiros para investimentos de longo prazo e vai incentivar o mercado de capitais.

As alterações chegam num momento em que a indústria brasileira apresenta sinais de recuperação, ainda leves e distantes de uma retomada. A produção do setor cresceu 1,1% na passagem de maio para junho, com base em pesquisa divulgada ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O ritmo das fábricas acumulou avanço de 3,5% nos últimos quatro meses de resultados positivos. Ainda assim, mostrou queda de 9,1% medida no primeiro semestre, o pior desde 2009, quando o recuo foi de 13%; e frente a junho de 2015 registrou queda de 6%.

Leia a notícia completa: http://www.em.com.br

Deixe uma resposta