PMBOK (PMI)

Significado da Sigla:

PMBOK® – Project Management Body of Knowledge

Livre Tradução: 

PMBOK® – Guia do Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos

Instituto ou Associação: 

PMI – Project Management Institute – http://www.pmi.org

Representação no Brasil:

PMI Brasil – http://www.pmi.org.br

Certificação:

Project Management Professional (PMP®) do PMI®

É um rigoroso Programa de Certificação Profissional desenvolvido e mantido pelo PMI – Project Management Institute -, com base em um exame, visando o avanço da profissão de Gerenciamento de Projetos e o reconhecimento das conquistas individuais nesta área. A Certificação Project Management Professional (PMP®) do PMI® é a credencial profissional mais reconhecida e respeitada em termos mundiais no que tange ao Gerenciamento de Projetos. Em 1999, o PMI® tornou-se a primeira organização no mundo a ter seu Programa de Certificação reconhecido pela International Organization for Standardization (ISO) 9001.

Para obter a certificação PMP, é necessário que o candidato tenha conhecimentos específicos de Gerenciamento de Projetos, e estar apto a seguir um código de conduta profissional. O último passo para se tornar um PMP é obter aprovação em um exame de múltipla escolha, concebido para medir o nível de conhecimento em Gerenciamento de Projetos. Este exame, feito em computador, é aplicado em todo o mundo.

Mais Informações:

O PMBOK© (Project Management Body of Knowledge) é um guia de referência que descreve o conjunto de conhecimento dentro da área de Gestão de Projetos. Esse guia é publicado pelo PMI (Project Management Institute), uma organização sem fins lucrativos, fundada nos Estados Unidos em 1969, cujo objetivo é fomentar a atividade de Gestão de Projetos no mundo.

Este guia apresenta os conceitos e definições mais importantes da área de Gestão de Projetos e que são geralmente aceitos, ou seja, ele descreve o conhecimento e as práticas que são aplicáveis à maioria dos projetos e há um amplo consenso a respeito de seu valor e utilidade. Este guia reúne também as práticas inovadoras e avançadas para todas as áreas de conhecimento que envolve projetos: escopo, prazo, custo, recursos humanos, comunicação, qualidade, contratação, riscos e integração. É um material genérico que serve para todas as áreas de conhecimento.

Dentre os modelos de Gerenciamento de Projetos existentes, o PMBOK© foi o único que se tornou padrão internacional ISO. Esta metodologia constituiu a base para o padrão internacional para a gerência de projetos, publicado através da norma ISO 10006 (Quality Management: Guidelines to Quality in Project Management) em 1997. Em dezembro de 2000 foi incorporada ao acervo de normas brasileiras.

O guia PMBOK©, do inglês Project Manangment Body of Knowledge (Corpo de Conhecimento em Gerência de Projetos) , constitui-se em um conjunto de boas práticas de gestão de projetos agrupadas em um guia baseado em processos que se interagem durante as etapas do ciclo de vida do projeto. Nesse guia destacam-se informações sobre entradas e saídas de dados, ferramentas e técnicas de gestão de projetos que formam a base de conhecimentos do PMI.

O objetivo do guia PMBOK© é fornecer uma visão geral de cada subconjunto do conjunto de conhecimento do gerenciamento de projetos e a interação dessas partes entre si. Esse guia utiliza vocabulário padronizado, comum a todos os profissionais da área e a todas as áreas de conhecimento – construção civil, processos de fabricação industrial, produção de software, etc. – compondo-se como um elemento essencial a qualquer profissão.

O PMBOK© se destina tanto a estudantes e pesquisadores, quanto a profissionais já experientes, abrangendo maior gama de profissionais, sendo que todo conhecimento reunido neste guia não se restringe apenas a práticas tradicionais, mas também às inovadoras e avançadas.

O padrão utilizado pelo guia não pode ser considerado abrangente e nem completo. Na verdade, é possível fazer uso de metodologias e ferramentas para gerenciar projetos, que não aquelas disponíveis no PMBOK©.

O PMBOK© é o corpo de conhecimento em Gerenciamento de Projetos mais difundido e conhecido no Brasil, o que torna sua adoção como guia bastante recomendada, pois facilita os aspectos de treinamento e implementação.

O Gerenciamento de Projetos pode ser considerado como um conjunto de processos integrados. Assim, um projeto deve ser visto como um conjunto de processos e suas interações. O documento PMBOK© é estruturado em treze capítulos divididos em duas partes distintas. A primeira parte é composta pelos capítulos de 1 a 3 e é denominada “Estrutura de Gerência de Projetos”, onde se apresenta a estrutura e os conceitos necessários para a compreensão do assunto gerência de projetos. A segunda parte, denominada “Áreas de Conhecimento da Gerência de Projetos”, é composta pelos capítulos de 4 a 13 e apresenta as fases que compõem um projeto e o ciclo de vida de um projeto.

Guia PMBOK® – Quinta Edição mantém a tradição da excelência em gerenciamento de projetos. Esse padrão contém as práticas fundamentais que todos os gerentes de projeto precisam para obter sucesso nos seus empreendimentos, além de fornecer aos gerentes de projetos todas as ferramentas necessárias para entregar mais resultado em suas organizações. Ler online ou fazer download gratuitamente: Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) – Quinta Edição em Inglês.

Gerenciamento de Projetos

o gerenciamento de projetos consiste na aplicação de conhecimentos, habilidades, ferramentas e técnicas adequadas às atividades do projeto, com o intuito de atender às suas demandas. O gerenciamento de projetos é realizado através da integração de cinco grupos de processos e dez áreas de conhecimento. Assim, os gerentes de projetos podem padronizar tarefas rotineiras para obter resultados repetitivos e reduzir o número de tarefas que poderiam ser negligenciadas ou esquecidas durante o projeto.

Grupos de processos de gerenciamento de projetos se sobrepõem ou interagem entre si conforme a fase do projeto:

  1. Iniciação:  autorizam o começo do projeto ou a fase.
  2. Planejamento:  definem objetivos e selecionam o melhor esquema de trabalho para cumprir os objetivos propostos do projeto.
  3. Execução: coordenam pessoas e outros recursos para conduzir o plano.
  4. Monitoramento e controle: asseguram que os objetivos do projeto são alcançados através do monitoramento e medição do progresso, identificando variações do plano e executando ações corretivas.
  5. Encerramento: formalizam a aceitação do projeto ou da fase e dirigem o projeto para um fim adequado.

Area de conhecimento - 3

Área de Conhecimento – clique para ampliar

Esses processos de gerência de projetos são executados por meio de um ou mais processos organizados em dez áreas de conhecimento da gerência de projetos:

Area de conhecimento - 1

 Processos de Gerenciamento – clique para ampliar

  1. Integração: apresenta os processos necessários para assegurar que os elementos envolvidos no projeto sejam adequadamente coordenados.
  2. Escopo: apresenta os processos necessários para assegurar que o projeto contemple o trabalho requerido, e para completar o projeto com sucesso.
  3. Tempo: apresenta os procedimentos necessários para assegurar que o projeto termine dentro do prazo previsto.
  4. Custo: apresenta os procedimentos necessários para assegurar que o projeto seja concluído dentro do orçamento previsto.
  5. Qualidade: apresenta os procedimentos necessários para assegurar que as necessidades que originaram o desenvolvimento do projeto serão satisfeitas.
  6. Recursos Humanos: apresenta os procedimentos necessários para proporcionar a melhor utilização das pessoas envolvidas no projeto.
  7. Comunicações: apresenta os procedimentos necessários para assegurar que a geração, captura, distribuição, armazenamento e apresentação das informações do projeto sejam feitos de forma adequada e no tempo certo.
  8. Riscos: apresenta os procedimentos que dizem respeito à identificação, análise e resposta aos riscos do projeto.
  9. Aquisições: apresenta os procedimentos necessários para a aquisição de bens e serviços fora da organização que desenvolve o projeto.
  10. Partes interessadas: apresenta os procedimentos necessários para assegurar os interessados do projeto, pode ser pessoas da equipe, grupos de pessoas, organizações ou instituições com algum tipo de interesse ou que poderão ser afetados pelas atividades ou pelos resultados do seu projeto.

Area de conhecimento

Áreas x Processos de Gerenciamento – clique para ampliar

Area de conhecimento - 2

Grupos de Processos de Gerenciamento – clique para ampliar

Framework:

Framework para Gerenciamento de Projetos baseado no PMBOK 5th Edition

 Framework do PMBOK® – clique para ampliar

Referências:

– http://brasil.pmi.org/brazil/PMBOKGuideAndStandards/LibrarytoPMIGlobalStandards.aspx